Quarta-feira, 8 de Abril de 2009
Quarta-feira, 08.04.2009

Acho que é seguro dizer que todos nós tivemos um professor que consideramos uma grande influência na nossa vida. Às vezes nem sempre pelas melhres razões, mas muitas vezes por uma razão simples e ternurenta que ao olharmos para trás, define um ponto de viragem na nossa vida. Eu tive a sorte de ter tido se calhar mais do que um.

 

Além dos professores em pequenina que eram da minha família (literalmente da minha família) tive uma espectacular professora de ingês/motard que nos punha a traduzir músicas dos Guns & Roses nas aulas, um professor de Latim que me ensinou o que é a tolerância e a bondade, uma professora de matemática que explicava equações com golpes de karaté ,e uma professora que um dia cheguei a chamar a minha segunda mãe.

 

A última foi minha professora de filosofia. Não era nada fácil ensinar filosofia a putos de 16 e 17 anos. E ainda hoje estou para saber como é que esta senhora nos pôs a todos a discutir Nietzsche com uma paixão tão intensa. A verdade é que, olhando para trás, era preciso muito arrojo para entrar numa sala de aula com um leitor de cassetes, pôr a tocar Wagner durante duas horas e dizer: ninguém sai daqui sem me porque é que o Nietzsche gostava desta música. E nós garantidamente chegávamos lá.

 

Há dez anos atrás deste dia, a nossa professora de filosofia entra na sala de aula e diz: Durante esta semana não vos dou aula (facto que genuinamente nos entristecia) até que todos vocês tenham visto o Matrix. Quando todos tiverem visto, falamos.

 

É escusado dizer que esse foi um dos pontos de viragem da minha adolescência, e imagino que de muita gente. E com muito orgulho posso dizer que foi graças à situação da jarra do Oráculo que o Neo parte, que me pus a pensar seriamente e pela primeira vez no que andava cá a fazer e o que raio significa isto tudo.

 

Hoje celebramos o Matrix, o primeiro, claro.

 




9 comentários:
De Johnny T. a 9 de Abril de 2009 às 14:39
Woaw


De Cristiana a 13 de Abril de 2009 às 12:42
considero filosofia a disciplina mais fundamental de todas. O difícil é esses putos de 16 e 17 anos terem essa consciência. Eu tornei-me consciente.


De reconstruindoamente a 13 de Abril de 2009 às 12:46
Parabéns pelo seu blog!

http://reconstruindoamente.blogs.sapo.pt/

abraço


De ana a 13 de Abril de 2009 às 13:28
Um blog mesmo muito bom. Tenho visitado algumas vezes e confesso que te ando a tentar apanhar. Não és uma mulher, mas inteligentemente tens aprumado a escrita. Vá, teres dito que a Helena Coelho é um mulherão do mais perfeito que temos por cá também não vale, porque eu também gosto de apreciar mulheres . Não enaltecendo tanto olhos, nariz , rabo (?)...mas pronto...
Bj




De Domesticada a 13 de Abril de 2009 às 14:30
Mas olha que sou mulher, sou :)

Muito obrigada pelas palavras, fico sempre contente de agradar. Um péssimo hábito.


De Alvaro Faustino a 13 de Abril de 2009 às 21:57
Uma das séries que mais puxou pela filosofia humana. Adorei os três , mais o Animatrix que preenche alguns buracos da história. Aconselharia também o filme Contacto, que nos faz perguntar sobre a existência de Deus e o nosso lugar neste Universo. Parabéns pelo blog e pelo destaque.


De Maria Araújo a 13 de Abril de 2009 às 23:26
Gostei do blog.
Penso que já o tinha visitado, pois já esteve em destaque no Sapo.
Parabénes.
Apreciei, muito em especial este post.
Ainda há quem admire os seus professores, o que não se vê nos dias de hoje.
Quanto mais exigente e empenhado é o professor mais os alunos o(a) consideram uma chato(a).
Beijinho


De Alice In W a 14 de Abril de 2009 às 21:43
Então e um crush num professor,, bem sucedido.. tb conta?????


De Domesticada a 15 de Abril de 2009 às 10:22
Ah sim?.... em qual, em qual?


Comentar post

"Personally I'm always ready to learn, although I do not always like being taught." Winston Churchill

mariajoaoso (arroba) gmail.com
 
2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


todas as tags