Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Célula Estaminal

Célula Estaminal

29
Mai08

Não ponho mais os pés em Alvalade.

Domesticada

Os meus 7 votos (sete!) não me valeram de absolutamente nada. As minhas tentativas de, um a um, tentar esclarecer todo o bom sócio da grande borrada que estava disposto a aceitar e ainda agradecer o que lhe impingiam, foram infrutíferas. Nem mesmo quando, já a horas adiantadas e de cabeça louca e doente, me pus a gritar "ladrões" e "aldrabões" aos senhores que os tais bons sócios se dispuseram a eleger, nem mesmo aí me serviu para alguma coisa.

 

O resto do património do Sporting Clube de Portugal (tem de se escrever tudo muito certinho, não vão as pessoas confundir a palavra Sporting com o que é hoje a SAD) deixou ontem de estar nas mãos dos sócios para passar para as mãos dos accionistas. A Academia de Alcochete, bandeira usada por estes senhores para justificar muita merda que se tem feito, será vendida a preço de custo à SAD, que fará dela o que bem entender a partir saí.

 

Tenho reminiscências de conversas de um passado recente que me assolam o espírito. Re-mi-nis-cên-ci-as, pessoal!

 

-Mas ficamos sem modalidades?

-Sim, mas temos sempre a Academia, o diamante em bruto do Sporting que nos dá muito prestígo.

 

-Mas agora vendemos os terrenos, é? É preciso?

-É sim senhor, que estamos muito mal. Mas temos sempre a Academia, o diamante em bruto do Sporting que nos dá muito prestígo.

 

-Agora este dinheirinho todo do património é para pagar tudo aos senhores dos bancos, não é?

-Pois, não sei. mas olha este jogador fantástico que temos aqui para ti, e já agora olha que giro que é este cartão de sócio novo com o símbolozinho do BES no canto. E além disto tudo temos sempre a Academia, o diamante em bruto do Sporting que nos dá muito prestígo. 

 

Os senhores que lá estão continuam a dever-se todos esquisofrenicamente uns aos outros, e aos bancos então devemos todos! Mas agora, ossana! Temos sempre o dinheirinho da Academia.

 

Dinheirinho fixe para comprar jogadores de qualidade como nos últimos tempos têm sido, dinheirinho fixe para injectar na SAD, dinheirinho muuuuito fixe quando o cêntimetro quadrado em Alcochete custar mais que as chuteiras do Purovic, por exemplo.

 

Não ponho lá mais os pés, estou-me perfeitamente nas tintas de quem joga com quem, nem quero inadvertidamente decorar um nome de um jogador do meu clube. Os queridos credores/devedores/esquisofrénicos/accionistas/sócios que mandam naquela empresa (sim, empresa) que peguem no dinheirinho fixe deles e paguem a pessoas para ir bater palmas ao estádio. Comigo já não contam.

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

"Personally I'm always ready to learn, although I do not always like being taught." Winston Churchill
mariajoaoso (arroba) gmail.com

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2010
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2009
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2008
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2007
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2006
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2005
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D